Crônicas dolorosas 34: a melhora de 1/3

dor-e-tercoLá por volta dos anos 2000, o Sr. Bruno sofria com dores terríveis e incapacitantes na região lombar. Já perturbando sua vida de forma crônica, foi deixando de lado tudo o que mais gostava, desde sair a noite até sua clássica partida de basquete semanal. Suas limitações eram tão intensas, que o Sr. Bruno comprou um projetor de slides e o prendeu na parede de seu quarto, para que ele pudesse assistir televisão e usar seu computador deitado. Mas, era deitado olhando para cima.

Mal ficava 15 min sentado sem dor. Mal ficava 10 min de pé sem dor. Tudo era motivo para doer e tudo tornou-se chato devido a dor. O que fazer depois de mais de 16 anos de dor lombar persistente? Continuar seguindo a vida parecia a única solução. Porém, o Sr. Bruno e sua família eram muito religiosos e decidiram passar um fim de semana em retiro religioso durante um encontro de jovens no Rio de Janeiro.

Foi um fim de semana intenso de reza, perdão e muita religião. Mas, ao acordar na segunda de manhã, algo parecia diferente. Ele estava sem dor. Como era possível? Dedo de Deus? Santa Maria? Só Jesus salva? Sim, ele estava sem dor nenhuma. Parecia algo até então impossível. Logo, correu para ligar para seu fisioterapeuta que, estarrecido, pensou alto: “a reza foi forte, o 1/3 foi forte e o tempo investido em tratamento aqui não o ajudou, foi perda de tempo”.

E as semanas foram passando e o Sr. Bruno voltou a jogar basquete, a sair mais de casa e se tornou uma pessoa mais feliz. Sem dor, sem sofrimento e agora com planos para o futuro. Dizem que a fé e a religião são capazes de mudar as pessoas e dar rumo as estradas sem sinalização. A cada 6 meses o Sr. Bruno liga para dar notícias e um “tchau” bem dado para a dor.

Essa sim foi uma senhora melhora de 1/3 (terço) na mão, no coração e na fé.

Resumindo: “quem acredita sempre alcança” (Russo)

Artur Padão – Dorterapeuta

#dorterapeuta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s